Dicas para acalmar um gato nervoso - Central Pet
Clínica, Hotelzinho e PetShop: (31) 3332.5850 (31)9 8303-7285 | Escola (cursos): (31) 3024.5686 (31) 983040194

Dicas para acalmar um gato nervoso

Categoria: gatos Data: 6 de julho de 2020
Dicas para acalmar um gato nervoso

Cada felino tem um comportamento, alguns são mais tranquilos, outros mais arredios, porém um comportamento agressivo, pode indicar situações anormais de estresse, e ou de algum incômodo no animal.  Se você tem uma gato nervoso em casa, veja essas dicas para acalmá-lo e trazer seu amiguinho de volta ao seu normal. 

 

Por que um gato fica nervoso?

 

O estresse e nervosismo pode ter fatores variados, dependendo da situação. Geralmente o felino se assusta ou se incomoda com algo novo no ambiente e ou até mesmo com um barulho e ou pessoa que ele possa identificar como uma ameaça. A primeira medida é saber reconhecer um gato nervoso, e tentar identificar o motivo, que pode ser:

 

  • Algo relacionado com alguma experiência ruim; 
  • Barulhos fortes como, por exemplo, fogos de artifício, trovão; 
  • Longas viagens;
  • Mudança de ambiente;
  • Pessoas novas; 
  • Presença de outros animais. 

 

Como identificar que meu gato está nervoso?

 

Certamente você irá notar mudanças no comportamento de um gato nervoso, como, por exemplo:

 

  • O gato ativa seu instinto de autoproteção, e geralmente não deixa que o toquem;
  • Ele tende a ficar escondido, em busca de um local seguro;
  • Se move em posição de guarda (anda mais abaixado);
  • Pode arranhar e machucar quem tentar tocá-lo; 
  • Ergue o rabo e levanta o torso;
  • Ele próprio tenta se acariciar para liberar o estresse;
  • Suas pupilas podem ficar dilatadas.

 

Como acalmar um gato nervoso?

 

Você identificou o gato nervoso e a situação que o fez ficar estressado? Então primeiro de tudo, tente acabar ou eliminar o motivo para então conseguir acalmá-lo com as dicas abaixo.

 

Tende se aproximar: apenas se o gato nervoso permitir, se ele se mostrar arisco, é melhor dar um tempo sozinho para ele. Se ele permitir, tente com calma pegá-lo no colo e mantê-lo perto do seu corpo.

 

Use uma voz tranquila para chamá-lo: se o gato escuta a voz tranquila do dono, pode ser um gatilho para ele voltar a se sentir seguro e se acalmar. Vale até mesmo cantar um música. 

 

Tente atraí-lo com sua comida preferida: por meio dos alimentos, o gato nervoso pode conseguir liberar as tensões.

 

Tente acalmá-co com seu brinquedo favorito:  aqui funciona de forma semelhante a comida. Não jogue o brinquedo, mas também não se aproxime demais se ele não permitir. Deixe em uma distância que ela possa ver e se aproximar. Os brinquedos funcionam muito bem, porque é algo que o gato nervoso vai relacionar com algo divertido e prazeroso. 

 

Tenha paciência! Fique calmo, porque se você também ficar nervoso, só vai piorar a situação. Então fique tranquilo e tente mostrar para o gato nervoso que a situação já está resolvida e que tudo vai voltar ao normal. 

 

Se as dicas caseiras não funcionarem e o gato permanecer nervoso por muito tempo, deve-se procurar um veterinário para possível tratamento e medicação. 

 

Agende um horário com nosso veterinário para uma consulta, e ou com o nosso pet shop para um banho e tosa. 

 

Se gostou do artigo, siga nosso Facebook e Instagram e fique por dentro de dicas e novidades no mundo pet.

Compartilhe este post:
Iniciar Conversa
Precisa de ajuda?