Como prevenir e tratar piolhos em aves de estimação - Central Pet
Clínica, Hotelzinho e PetShop: (31) 3332.5850 (31)9 8303-7285 | Escola (cursos): (31) 3024.5686 (31) 983040194

Como prevenir e tratar piolhos em aves de estimação

Categoria: Aves Data: 5 de dezembro de 2019
Como prevenir e tratar piolhos em aves de estimação

Os piolhos em aves de estimação podem trazer sérios prejuízos aos animais. Apesar do pouco tamanho, eles são parasitas que prejudicam muito a saúde do bicho. É necessário identificar e tratar o quanto antes. Separamos algumas informações e dicas para te ajudar a tratar esse incômodo. 

 

Tipos de piolhos em aves de estimação

Os piolhos em aves podem ser de variados tipos. A ciência já reconhece e cataloga mais de 40 espécies de piolhos em aves de estimação. As mais frequentes são: “Piolho de cabeça”, “Piolho corporal”, “Piolhos das asas”, “Piolho de pomba”, “Piolho da haste”.

Ainda temos os “Piolhos vermelhos” que apresentam um risco ainda maior, podendo causar um um estado depressivo no animal.

 

Sintomas dos piolhos em aves

As aves de estimação apresentam uma maior agitação e uma coceira como se tentassem tirar algo das penas a todo momento. Dependendo do grau de infestação dos piolhos em aves, elas podem também ter perda de apetite, lesões pelo corpo, queda das penas, fraqueza e outros.

Se você tem várias aves e perceber a presença de algum delas com sintomas de piolhos, deve imediatamente separá-las dos demais para evitar o contágio. 

 

Causas e tratamentos

As aves de estimação geralmente são infectadas quando entram em contato com outras aves, na maioria das vezes, selvagens , que já estão contaminadas. Por isso, a prevenção de piolhos em aves é um pouco difícil. O ideal é sempre manter a higiene da ave e da sua gaiola, e observar se no local que ela fica tem incidência de outras aves em busca de comida. 

 

Há tipos diferentes de medicamentos para o tratamento de piolhos em aves, a indicação vai depender do estado da ave de estimação e da intensidade do contágio. Há também  muitos remédios caseiros que são ensinados na internet, mas que podem ser perigosos, uma vez que cada ave pode apresentar um problema e ou reação diferente. O mais indicado é procurar um veterinário para que ele indique o melhor tratamento. 

 

Se gostou do artigo, leia também: SARNA EM PERIQUITOS?

 

Na CENTRAL PET você encontra atendimento clínico para aves ornamentais, domésticas, silvestres e exóticas. Entre em contato

 

Se gostou, siga nosso Facebook e Instagram e fique por dentro de dicas e novidades no mundo pet.

Compartilhe este post:
Iniciar Conversa
Precisa de ajuda?